Facebook Twitter Google RSS

Em dois meses, Ceará registra três chacinas

Em dois meses, o Ceará registrou três chacinas, que levaram à morte um total de doze pessoas. Todas elas em importantes centros urbanos do Estado, sendo duas na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) e uma em Sobral. A terceira chacina foi registrada na noite da última segunda-feira, 4, na localidade do Barro Vermelho, município de Acarape, na RMF. Os casos anteriores ocorreram no último domingo, 3, no município de Maranguape (também na RMF) e no dia 13 de abril, no distrito de Aprazível, em Sobral (a 230 km de Fortaleza). 

Todos os casos, segundo a Polícia, envolveriam o comércio ilegal de entorpecentes e não ocorreram na Capital, acirrando a tendência de que os crimes de pistolagem característicos do Interior e RMF estão dando lugar às “rixas” causadas pelo tráfico de drogas. As três situações chocam pela extrema violência, tendo como vítimas mulheres e crianças, além de motivação torpe.

A ação, em Acarape, terminou com a morte de dois homens e uma mulher: os irmãos José Ivan Costa Moura, 24, e José Bruno de Castro Moura, 21; e Maria Janiele da Costa Silva, 18, que era esposa de um deles. Um homem, identificado apenas como Sérgio, foi baleado e sobreviveu. Conforme a Polícia Militar, o crime teria sido causado por disputa de territórios de tráfico de drogas.

Já na ação registrada em Maranguape, foram mortos Valdeci Moreno Costa Júnior, 21, Stanley Matheus Fialho da Silva, 20, e Antônio David Lima da Silva, 20. Duas pessoas saíram feridas. As vítimas seriam integrantes da gangue do Parque Luzardo Viana, de Maracanaú, segundo a Polícia. Já os executores fariam parte da facção da Área Verde, de Maranguape.

Em Sobral, as vítimas foram Patrícia Farias da Silva, 30; a filha Emily Farias, 15; o sobrinho, Geovane Nascimento; a mãe Maria de Jesus da Silva, 53; e o vizinho, Aureliano da Silva. O crime teria sido vingança, pois o autor acreditava que o esposo de Patrícia havia executado um familiar dele. O marido dela seria um traficante e teria comandado a execução em decorrência de uma dívida.

Prisões

Em Acarape, dois adolescentes que estavam com as vítimas prestaram depoimento. Ninguém foi preso.

No caso de Maranguape foram detidas cinco pessoas suspeitas de envolvimento no crime. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSPDS), a última prisão ocorreu ontem. Todos foram encaminhados à Delegacia Metropolitana de Maranguape (DDM) e autuados por triplo homicídio.

Já em Sobral, duas pessoas foram detidas. No entanto, houve uma fuga da Delegacia de Capturas (Decap), e o mentor do crime, José Cleiton Rodrigues, o Keké, conseguiu fugir. Segundo o coronel da PM, Júlio Aquino, está detido Antônio Mourão, que se entregou à Polícia durante um cerco. Mais dois envolvidos foram identificados e a investigação continua. (Jéssika Sisnando,jessikasisnando@opovo.com.br)

Saiba mais

Chacina

O termo costuma ser utilizado para casos de múltiplos homicídios ocorridos em uma mesma situação e relacionados entre si. 

Número de mortes

Para o delegado Pedro Viana, um crime só pode ser caracterizado como uma chacina quando existem a partir de três mortes. 

Massacre 

Segundo o advogado criminalista, Michel Coutinho, o termo também se enquadra no massacre de mais de uma pessoa de forma brutal. Ele acredita que a partir de duas pessoas, dependendo da violência empregada contra as vítimas, ou da motivação, pode-se citar o caso como uma chacina.

Informações do O Povo Online



Viu algum erro na matéria? Avise pra gente por aqui ou nos comentários.

Quer receber conteúdo EXCLUSIVO? Se inscreva na nossa área vip clique aqui
Baixe nosso aplicativo móvel www.app.vc/chavalzada
Curta a página do Chavalzada no Facebook www.facebook.com/chavalzada
Siga o nosso perfil no Twitter www.twitter.com/chavalzada
Siga nosso perfil no Instagram www.instagram.com/chavalzada


Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos!

Deixe seu comentário, nós agradecemos:

0 comentários :

Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos! As opiniões contidas nos comentários são de responsabilidade dos autores dos mesmos.

O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará. Salmo 23

Estamos no YouTube!

Educação

MAIS DESTA CATEGORIA

Tecnologia

MAIS DESTA CATEGORIA

Entretenimento

MAIS DESTA CATEGORIA

Emprego

MAIS DESTA CATEGORIA

Siga no Google+

Arquivo do blog

Se inscreva e receba conteúdo exclusivo

Sobre o blog

O Chavalzada foi criado em Novembro de 2010 e desde estão faz parte da vida do Chavalense, trazendo muita informação, entretenimento e cultura.
O Chavalzada é atualizado por Welligton Magalhães e Marcelo Silva.
O blog também conta com vários colunistas e colaboradores. Quer saber mais? Visite nossa fan page www.facebook.com/Chavalzada