Facebook Twitter Google RSS

Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG) - saiba o que é


O QUE É O TRANSTORNO DE ANSIEDADE GENERALIZADA?

A ansiedade, como sabemos, faz parte da vida do ser humano. É natural que todos nós tenhamos momentos de maior preocupação quando estamos diante de situações estressantes. Mas a ansiedade deixa de ser algo normal e passa a ser patológica quando essa preocupação é constante e não está ligada a nenhum motivo aparentemente real.
De acordo com o manual de classificação de doenças mentais (DSM), o TAG é um distúrbio caracterizado pela "preocupação excessiva ou expectativa apreensiva" persistente e de difícil controle, que perdura pelo menos por seis meses e vem acompanhado por três ou mais dos seguintes sintomas: inquietação, fadiga, irritabilidade, dificuldade de concentração, tensão muscular e perturbação do sono. (É importante que o diagnóstico seja feito sempre por um especialista.)

Ao contrário de uma fobia, que o medo está ligado a alguma coisa ou situação específica, o TAG não tem um agente estressor específico. Essa ansiedade é menos intensa do que num ataque de pânico, mas muito mais duradoura, e torna a vida da pessoa muito difícil, já que ela fica num estado de alerta constante. Causa muito sofrimento e interfere na qualidade de vida e no desempenho familiar, social e profissional dos pacientes.

A pessoa que sofre de transtorno de ansiedade generalizada pode preocupar-se com as mesmas coisas que as outras pessoas. Questões de saúde, dinheiro, problemas familiares ou dificuldades no trabalho. Mas essas preocupações são elevadas a um nível estratosférico. Por exemplo: depois de assistir a uma reportagem sobre um atentado terrorista ocorrido em um país distante, a pessoa comum pode sentir uma sensação temporária de desconforto e preocupação. Mas quem tem transtorno de ansiedade generalizada, provavelmente, vai continuar preocupado durante vários dias e fantasiar sobre um cenário idêntico que possa ocorrer no local onde vive.

Se o telefone toca ou se liga para alguém e não é imediatamente atendido, já acha que algo grave pode ter acontecido. Às vezes, apenas o pensamento de ter que esperar que o dia passe, produz ansiedade. Suas atividades são encaradas com preocupação exagerada e tensão, mesmo quando há pouco ou nada que provoque essa preocupação.
“Está ficando tarde, ele já deveria ter chegado! Deve ter tido um acidente!“
“Eu não consigo dormir, só sinto medo… e não sei porquê!”




Nem todas as pessoas que têm transtorno de ansiedade generalizada possuem os mesmos sintomas. Mas a maioria das pessoas pode experimentar uma combinação de um número de sintomas emocionais, comportamentais e físicos.

Sintomas emocionais de transtorno de ansiedade generalizada:

- Preocupações constantes
Sente-se como se a sua ansiedade fosse incontrolável, não há nada que possa fazer para parar de preocupar-se
Pensamentos intrusivos sobre coisas que fazem você sentir-se ansioso; tenta evitar pensar sobre eles, mas não consegue deixar de pensar
- Incapacidade de tolerar a incerteza; tem uma necessidade enorme de saber o que vai acontecer no futuro
Sentimento generalizado de apreensão ou temor

Sintomas comportamentais de transtorno de ansiedade generalizada:

- Incapacidade de relaxar, desfrutar de momentos de quietude, ou ser ele próprio
Dificuldade de concentração 
Dificuldade em expressar-se, porque sente-se oprimido
- Evita situações que fazem sentir-se ansioso

Sintomas físicos do transtorno de ansiedade generalizada:

- Sensações de tensão, rigidez muscular ou dores no corpo- Sentimento de inquietação
- Problemas de estômago, náuseas, diarreia
- Tem problemas para adormecer ou manter o sono porque a sua mente fica muito ativa

Grupo de Risco

As mulheres são duas vezes mais acometidas pela ansiedade generalizada do que os homens. A prevalência desse transtorno na população é relativamente alta e é também o tipo de transtorno de ansiedade mais freqüente. Nos períodos naturais de estresse, os sintomas tendem a piorar, ainda que o estresse seja bom, como o próprio casamento ou um novo emprego. As mulheres abaixo de 20 anos são as mais acometidas, podendo, contudo, começar antes disso, desde a infância, ou pelo contrário, em idades mais avançadas, apesar de a idade avançada diminuir as chances do surgimento de transtornos de ansiedade.

Tratamento

O tratamento recomendado é a associação de medicação psiquiátrica (antidepressivos) com terapia, de preferência a cognitivo-comportamental.

Assista a esta entrevista com a Dra. Denise Amino, Diretora Técnica do AME Psiquiatria Dra. Jandira Masur (SP). Ela explica muito bem o que é a ansiedade generalizada, suas possíveis causas e tratamento ideal. 


"Transtorno de Ansiedade Generalizada - você sabe o que é?"



(fonte: Sem transtornoPsicosite, site Escolapsicologia.com, Uol, Drauzio Varella; imagem retirada da internet)




Viu algum erro na matéria? Avise pra gente por aqui ou nos comentários.

Quer receber conteúdo EXCLUSIVO? Se inscreva na nossa área vip clique aqui
Baixe nosso aplicativo móvel www.app.vc/chavalzada
Curta a página do Chavalzada no Facebook www.facebook.com/chavalzada
Siga o nosso perfil no Twitter www.twitter.com/chavalzada
Siga nosso perfil no Instagram www.instagram.com/chavalzada


Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos!

Deixe seu comentário, nós agradecemos:

0 comentários :

Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos! As opiniões contidas nos comentários são de responsabilidade dos autores dos mesmos.

O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará. Salmo 23

Estamos no YouTube!

Educação

MAIS DESTA CATEGORIA

Tecnologia

MAIS DESTA CATEGORIA

Entretenimento

MAIS DESTA CATEGORIA

Emprego

MAIS DESTA CATEGORIA

Siga no Google+

Arquivo do blog

Se inscreva e receba conteúdo exclusivo

Sobre o blog

O Chavalzada foi criado em Novembro de 2010 e desde estão faz parte da vida do Chavalense, trazendo muita informação, entretenimento e cultura.
O Chavalzada é atualizado por Welligton Magalhães e Marcelo Silva.
O blog também conta com vários colunistas e colaboradores. Quer saber mais? Visite nossa fan page www.facebook.com/Chavalzada