Facebook Twitter Google RSS

Chefes gostam de funcionários que cheguem cedo, de acordo com estudo recente


Uma pesquisa recente, divulgada pela Business Insider, sugere que os funcionários que chegam mais cedo, geralmente, são percebidos como mais conscientes, recebendo avaliações de desempenho mais elevadas do que os funcionários que chegam mais tarde, independente se os mesmos saiam mais cedo ou não.

Considerando todas as associações culturais entre precocidade e virtuosidade, a equipe de pesquisadores da Universidade de Washington, nos EUA, suspeitava que patrões seriam inclinados a preferir funcionários que chegavam cedo. Para testar esta teoria, eles conduziram uma série de experiências. Em uma delas, eles recrutaram 149 pares de supervisores e funcionários. Todos os funcionários indicados chegavam para trabalhar normalmente.

Enquanto isso, cada supervisor classificava níveis de consciência e desempenho no trabalho do seu empregado. Os pesquisadores também pediram aos supervisores que indicassem suas próprias preferências em relação ao período de trabalho. Os pesquisadores não levaram em conta o total de horas feitas pelos trabalhadores.

Os empregados que normalmente chegavam mais cedo, foram classificados como “mais conscientes” e receberam classificações mais altas de desempenho do que aqueles que começaram a sua jornada de trabalho mais tarde. Além disso, os chefes tinham como preferência pessoal acordar mais cedo e eram mais positivos em relação a funcionários que também chegavam mais cedo.

Para analisar uma relação de eficiência, outra pesquisa foi realizada. Desta vez, 150 supervisores leram uma sinopse sobre um empregado que trabalhava das 7h às 15h, e de um empregado que trabalhava das 11h às 19h (ambos representando 8 horas diárias). As estatísticas de desempenho para os dois funcionários foram exatamente as mesmas. Assim como no experimento anterior, suas próprias preferências para acordar mais cedo ou mais tarde foram levadas em conta.

Mais uma vez, os resultados mostraram que os supervisores avaliaram o funcionário que chegou cedo como mais consciente e com desempenho superior. E quanto mais eles preferiam acordar cedo, mais positivos eles eram em relação ao funcionário que chega mais cedo.

Este estudo contribui para um crescente corpo de pesquisa sobre os efeitos do uso de horário flexível de trabalho. Outro estudo, publicado em 2012, constatou que os empregados que presumivelmente usam programas de trabalho flexíveis para aumentar sua produtividade são percebidos como donos de um melhor desempenho, em relação aos empregados que parecem “acomodados” com seus compromissos pessoais, com horário estabelecido.

[ Science Alert ] [ Foto: Reprodução / Alan Clark via Flickr ]


Viu algum erro na matéria? Avise pra gente por aqui ou nos comentários.

Quer receber conteúdo EXCLUSIVO? Se inscreva na nossa área vip clique aqui
Baixe nosso aplicativo móvel www.app.vc/chavalzada
Curta a página do Chavalzada no Facebook www.facebook.com/chavalzada
Siga o nosso perfil no Twitter www.twitter.com/chavalzada
Siga nosso perfil no Instagram www.instagram.com/chavalzada


Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos!

Deixe seu comentário, nós agradecemos:

0 comentários :

Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos! As opiniões contidas nos comentários são de responsabilidade dos autores dos mesmos.

O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará. Salmo 23

Estamos no YouTube!

Educação

MAIS DESTA CATEGORIA

Tecnologia

MAIS DESTA CATEGORIA

Entretenimento

MAIS DESTA CATEGORIA

Emprego

MAIS DESTA CATEGORIA

Siga no Google+

Arquivo do blog

Se inscreva e receba conteúdo exclusivo

Sobre o blog

O Chavalzada foi criado em Novembro de 2010 e desde estão faz parte da vida do Chavalense, trazendo muita informação, entretenimento e cultura.
O Chavalzada é atualizado por Welligton Magalhães e Marcelo Silva.
O blog também conta com vários colunistas e colaboradores. Quer saber mais? Visite nossa fan page www.facebook.com/Chavalzada