Facebook Twitter Google RSS

Prefeitura de Parnaíba decreta situação de emergência por 180 dias

A prefeitura de Parnaíba, no litoral do Piauí, decretou situação de emergência por 180 dias. O documento publicado no Diário Oficial da cidade nessa quarta-feira (4) alega falta de medicamentos, falta de limpeza pública, incapacidade para suprir a merenda escolar dentre outras motivos para a publicação do decreto.


"Fica reconhecido o Estado de Emergência, em defesa do legítimo INTERESSE PÚBLICO por presentes razões e motivos em suficiência que comprovam a situação de urgência, pelo prazo máximo de 180 dias, com finalidade de não permitir a paralisação ou interrupção dos serviços públicos, viabilizando, assim, a regular condução das atividades, pelo prazo neste decreto declarado", diz trecho do documento.

O ex-prefeito da cidade Florentino Neto (PT) refutou os dados apontados no decreto. “A limpeza pública funcionou até o dia 31 de dezembro sem nenhum problema. Sobre o material nos postos de saúde, em outubro estava sendo feita uma licitação para a compra de medicamentos, além de transporte escolar e coisas básicas. Essa licitação iria suprir a demanda do início do ano de 2017. Entretanto, a comissão de transição do atual prefeito pediu a suspensão desse procedimento. Sobre a falta de pessoal nos postos de saúde, isso não é verdade. Em resumo, Eu não vejo motivos para a decretação dessa emergência”, disse para o G1, Florentino Neto.

O decreto permite que o município dispense o processo de licitação na realização de contratos. Com isso, a aquisição de bens e materiais necessários às atividades pode ser feitos de forma mais rápida.






Parte do documento afirma ainda que o decreto se faz necessário para que a prefeitura adote "providências imediatas, do contrário restariam inúmeros riscos ao cidadão, o que impõe o dever de agir, desde que observadas as cautelas legais, frente à impossibilidade de aguardar o prazo ordinário das contratações inadiáveis, assim reconhecidas apenas as que devem evitar o perecimento do interesse jurídicos protegido".

Na terça-feira (3), a prefeitura da São Pedro do Piauí também havia decretado situação de emergência na cidade alegando precariedade na prestação de serviços públicos. Segundo o prefeito José Maria Ribeiro de Aquino Júnior (PSDB), postos de saúde foram encontrados fechados, consultórios odontológicos estavam sem funcionar por falta de compressores e frota de veículos sucateada.

TCE-PI fará auditoria nas cidades com decreto de emergência

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) informou nesta quinta-feira (5) que vai analisar todos os decretos de emergência e de calamidade administrativa que estão sendo editados pelos novos prefeitos. Os técnicos do TCE-PI vão fazer auditorias nos municípios e os gestores que utilizarem os decretos para burlar a lei das licitações podem ser punidos.


“É preciso que os municípios estejam em situação que efetivamente justifique a inexigibilidade de licitação, porque, a rigor, o decreto emergência não livra o prefeito de fazer as suas compras e contratos observando a lei das licitações”, afirmou o presidente do TCE-PI, conselheiro Olavo Rebelo.

Fonte: G1/PI
Foto: Morais Brito/Arquivo pessoal
Viu algum erro na matéria? Avise pra gente por aqui ou nos comentários.

Assista nossos vídeos www.youtube.com/tvchavalzada
Quer receber conteúdo EXCLUSIVO? Se inscreva na nossa área vip clique aqui
Baixe nosso aplicativo móvel www.app.vc/chavalzada
Curta a página do Chavalzada no Facebook www.facebook.com/chavalzada
Siga o nosso perfil no Twitter www.twitter.com/chavalzada
Siga nosso perfil no Instagram www.instagram.com/chavalzada


Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos!

Deixe seu comentário, nós agradecemos:

0 comentários :

Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos! As opiniões contidas nos comentários são de responsabilidade dos autores dos mesmos.

O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará. Salmo 23

Estamos no YouTube!

Educação

MAIS DESTA CATEGORIA

Tecnologia

MAIS DESTA CATEGORIA

Entretenimento

MAIS DESTA CATEGORIA

Emprego

MAIS DESTA CATEGORIA

Arquivo do blog

Se inscreva e receba conteúdo exclusivo

Sobre o blog

O Chavalzada foi criado em Novembro de 2010 e desde estão faz parte da vida do Chavalense, trazendo muita informação, entretenimento e cultura.
O Chavalzada é atualizado por Welligton Magalhães e Marcelo Silva.
O blog também conta com vários colunistas e colaboradores. Quer saber mais? Visite nossa fan page www.facebook.com/Chavalzada