Facebook Twitter Google RSS

Instituto de emergência médica usa foto de Neymar contra alarmes falsos


O Inem (Instituto Nacional de Emergência Médica) de Portugal aproveitou a Copa do Mundo para divulgar seu importante serviço e algo que o atrapalha: as falsas emergências.

Para chamar a atenção do público, em suas redes sociais, usou a foto de Neymar com cara de dor no gramado acompanhado da frase: "75,8% das chamadas para o 112 também não são emergências".

O camisa 10 da Seleção Brasileira tem sido criticado por cair muito e simular grandes contusões nas partidas do Mundial.
Continua depois do anúncio
Críticas ao estilo de jogo 

Na imprensa internacional, adversários e grandes ex-jogadores têm reclamado do comportamento exagerado do jogador do Paris Saint-Germain. "Palhaço" e "ator" foram alguns dos adjetivos usados para classificar o atleta.

"É absolutamente patético. Ninguém duvida das suas habilidades, é um jogador magnífico. Ainda assim, é realmente patético quando começa a rolar como se estivesse em agonia. Por que ele acha que precisa fazer isso?", questionou o ex-atacante inglês Alan Shearer, por exemplo.

"Irritante" foi a palavra usada pelo ex-goleiro dinamarquês Peter Schmeichel ao ver as simulações. "Parece que ele está morrendo. Eu pensei que eles iam colocar ele numa maca, levar para uma ambulância e então nós nunca mais o veríamos", afirmou durante uma transmissão em uma emissora russa de televisão.

O argentino Maradona também fez seu comentário sobre Neymar após o pisão que levou em uma jogada fora de campo na vitória do Brasil sobre o México. A jogada foi com Miguel Layún, que não foi advertido pelo árbitro.

"Neymar tem que decidir: ou nos faz rir ou nos faz chorar. Quando o mexicano pisou no seu pé, nós choramos, mas ao vê-lo correr depois, é para rir. Como será esta história? Ou é [cartão] amarelo pela falta do mexicano ou para a simulação de Neymar."

Mas o brasileiro se defendeu: "Isso é complicado, não é uma coisa que cabe a mim. Só sofro a dor. Tomei um pisão desleal, da minha parte acho que fora da jogada, fora do campo. Acho que não pode. Mas é isso, eles falaram demais antes da partida e foram embora para casa."

Especialistas em artes cênicas ouvidos pelo "New York Times" deram seu parecer quando assistiram a vídeos do atacante. "Neymar faz o que todos os atores iniciantes costumam fazer. Exagera na interpretação", afirmou Jim Calder, professor de arte dramática na Tisch School of the Arts, parte da Universidade de Nova York.


Viu algum erro na matéria? Avise pra gente por aqui ou nos comentários.

Se inscreva no nosso canal no YouTube!

Quer receber conteúdo EXCLUSIVO? Se inscreva na nossa área vip clique aqui
Curta nossa página no Facebook www.facebook.com/chavalzada
Siga nosso perfil no Instagram www.instagram.com/chavalzada
Baixe nosso aplicativo móvel www.app.vc/chavalzada


Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos!

Deixe seu comentário, nós agradecemos:

0 comentários :

Deixe sua opinião nos comentários, nós agradecemos! As opiniões contidas nos comentários são de responsabilidade dos autores dos mesmos.

O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará. Salmo 23

Se inscreva no nosso canal

Educação

MAIS DESTA CATEGORIA

Tecnologia

MAIS DESTA CATEGORIA

Emprego

MAIS DESTA CATEGORIA

Arquivo do blog

Se inscreva e receba conteúdo exclusivo

Sobre o blog

O Chavalzada foi criado em Novembro de 2010 e desde estão faz parte da vida do Chavalense, trazendo muita informação, entretenimento e cultura.
O Chavalzada é atualizado por Welligton Magalhães e Marcelo Silva.
O blog também conta com vários colunistas e colaboradores. Quer saber mais? Visite nossa fan page www.facebook.com/Chavalzada